Prefeitura de Mauá realiza seminário do Pré-sal , nesta segunda, dia 09

Domingo, 08 Novembro 2009 22:00
A prefeitura de Mauá realiza na segunda-feira (09/10) o 1º Seminário do Pré-Sal...

A prefeitura de Mauá realiza nesta segunda-feira (09/10) o 1º Seminário  do Pré-Sal. O objetivo do encontro é aprofundar a discussão sobre as  descobertas na camada pré-sal, o regime de partilha, a criação da Petrosal e a política de distribuição de royalties.

O encontro, que será realizado na Câmara Municipal (avenida João  Ramalho, 305, Vila Noêmia), contará com a apresentação do gerente de  exploração do Pré-sal da Bacia de Santos da Petrobrás, Márcio Paulo  Naumann. O senador Aloizio Mercadante também estará presente e fará  uma exposição do projeto que cria o marco regulatório do Pré-sal, que  está em tramitação no Congresso Nacional.

Já o coordenador da FUP, João Antonio de Moraes, apresentará a visão dos trabalhadores nas empresas petrolíferas.

“Este seminário terá o caráter informativo. Ele servirá para termos  ideia de qual será o impacto do pré-sal na cidade e na região”, afirma  o secretário de Desenvolvimento Econômico e de Trabalho e Renda de  Mauá, Edílson de Paula Oliveira. “Queremos preparar as empresas da região para a chegada de possíveis investimentos”, completa.

 

Oliveira acredita que a chegada do Rodoanel poderá impulsionar ainda mais a economia da cidade. “Especialistas dizem que esta é a chance de Mauá crescer. O Polo Petroquímico na cidade, que deverá ser influenciadas diretamente pelo Pré-Sal, aliado ao Rodoanel, será um chamariz para empresas de logística no município, uma vez que ficaremos perto da capital, dos aeroportos e do Porto de Santos”,
destaca.

Após a realização do encontro, que contará com a presença de empresários, representantes das demais prefeituras e sociedade civil, será criado um Grupo de Trabalho com representantes do setor público e de universidades para debater formas de atrair investimentos ao município.

 

 

 

 


Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.