Sindipetro NF realiza assembléia para escolher delegados do 5° Congresso dos Petroleiros do Norte Fluminense

Terça, 02 Junho 2009 21:00
O Sindipetro-NF convoca a categoria para escolher, em assembleias a partir desta sexta...

Sindipetro NF

O Sindipetro-NF convoca a categoria para escolher, em assembleias a partir desta sexta, 5, delegados para o 5º Congresso dos Petroleiros do Norte Fluminense (confira calendário abaixo). O evento acontece de 15 a 17 de junho, na sub-sede do sindicato, em Campos. Serão discutidos temas regionais, conjuntura política, segurança e saúde (SMS) e a pauta de reivindicações para o ACT 2009/11. A abertura será às 18h da segunda, 15, com painéis e discussões plenárias nos dois dias seguintes.

O Congresso também vai eleger os delegados da região para a I Plenária Nacional da FUP (PlenaFUP), que será realizada de 2 a 5 de julho na cidade da Lapa (PR), em um assentamento do MST onde funciona a Escola Latino Americana de Agroecologia. Como prevê o novo estatuto da FUP (aprovado no ano passado, durante o XIV Confup), a plenária substitui os congressos anuais. O Congresso Nacional da Federaçção a será realizado agora a cada três anos.

Com o V Congresso dos Petroleiros do Norte Fluminense, o sindicato retoma a realização de um congresso anual da categoria, compromisso assumido pela diretoria.

Confira datas, horários e número de vagas

Assembleia    /    Data - Hora  /    Vagas

Sede Sind. em Macaé   /   09/06 – 18h   /  10
Sede Sind. em Campos  /   10/06 – 10h  / 10
Cabiúnas:
Grupo A       05/06 – 16h  /   1
Grupo B       08/06 – 16h  /   1
Grupo C       08/06 – 8h  /   1
Grupo D       09/06 – 8h  /  1
Grupo E      10/06 – 0h  /  1

Plataformas

Assembléias de 05 até 09-06 com retorno de atas até 12 horas de 10-06 . As plataformas indicam somente delegados dos seus respectivos setores. Vagas: Marlim – 9 / UN-Rio – 6 /  Norte – 3 / Nordeste – 3 / E&P-Serv – 3 / Centro – 2 / Sul - 2 / Albacora – 2.
Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.