Estudantes voltam às ruas pelo impeachment de Yeda Crusius

Segunda, 11 Maio 2009 21:00
Nesta terça-feira (12), às 10h, na Esquina Democrática, centro de Porto Alegre, o Diretório Central...

Vermelho

Nesta terça-feira (12), às 10h, na Esquina Democrática, centro de Porto Alegre, o Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul fará mais uma manifestação pelo impeachment da governadora do estado, Yeda Crusius (PSDB). Alvo de inúmeras denúncias de corrupção, a tucana ouvirá de milhares de estudantes a palavra de ordem “Nem um minuto a mais para Yeda Crusius”.


Ato no último dia 7 em Porto Alegre. Foto: Débora Birck.

Leia abaixo a nota pública do DCE para a manifestação.

A hora final: nem um minuto a mais com Yeda

As revelações apresentadas pela revista Veja que chega as bancas desta semana confirma o que há meses afirmávamos. Denúncias de corrupção, ligação direta do primeiro escalão do governo no desvio de milhões do Detran, o PSDB e a base aliada estão engolidos pelo mar de lama, ao passo que os gaúchos sentem na pele as mazelas dos cortes de verba na educação, na saúde, na segurança pública.  A face mais perversa da destruição do estado, da criminalização dos movimentos sociais, das escolas de lata está prestes a ter um fim.

A companheira do falecido Marcelo Cavalcante, a senhora Magda Koegnikan, rompe o silêncio e comprova a veracidade de áudios que atacam a medula óssea do governo Yeda e expõe o maior dos pesadelos da agora quase ex-governadora.

Estamos em estado de mobilização permanente desde 5 de março deste ano. Nesta data lançamos no estado a volta do movimento dos Caras Pintadas. Sacudimos as principais cidades do Rio Grande com grandes atos. Porto Alegre, Santa Maria, Pelotas, Caxias do Sul, São Leopoldo, Santana do Livramento, Passo Fundo. Pintamos as caras, realizamos um sonoro apitaço e simbolicamente já tínhamos dado cartão vermelho para Yeda e seus comparsas.

Vamos agora rumo às jornadas de maio, iniciadas no último dia 7. Novos atos pelas estado, o aumento da pressão sobre a o MPF (Ministério Público federal) em Santa Maria, a conquista de mais pessoas para o movimento se darão em diversas cidades.

A união dos nossos esforços será concentrada em um grande ato em Porto Alegre nesta terça –feira (12). É chegado o momento. Não há mais tempo para o Rio Grande do Sul permanecer com este governo corrupto e devastador das condições de vida dos gaúchos. Os estudantes darão seus próximos passos unidos, coesos, firmes em um único sentido: o impeachment.

Em breve, Collor já não estará mais sozinho na galeria dos governantes extirpados do poder pelas denúncias de corrupção, desmanche dos serviços públicos essenciais e pelas mobilizações populares.

Fora Yeda! Impeachment Já!

DCE da UFRGS
Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.