Assessor jurídico da FUP orienta trabalhadores sobre punições

Domingo, 22 Março 2009 21:00
“A responsabilidade sobre a greve dos petroleiros é dos sindicatos e da FUP. Nenhum trabalhador pode...

Com informações do Sindipetro-NF

“A responsabilidade sobre a greve dos petroleiros é dos sindicatos e da FUP. Nenhum trabalhador pode ser punido individualmente por ter atendido a um indicativo do sindicato, que foi aprovado em assembléia. É a entidade quem responde pela coletividade”.

O esclarecimento é do advogado Normando Rodrigues, assessor jurídico da FUP e do Sindipetro-NF, em resposta às preocupações manifestadas por muitos trabalhadores diante das ameaças das gerências. O advogado permaneceu no ar, na Web Rádio do sindicato, durante a madrugada de hoje, para prestar esclarecimentos à categoria.

De acordo com Rodrigues, os trabalhadores precisam ficar atentos a qualquer tentativa de coação pelos gerentes, buscando colher provas que relacionem uma eventual punição individual ao fato de o petroleiro estar em greve.

O sindicato tomará medidas jurídicas caso punições individuais venham a ocorrer, mas lembra que a melhor proteção para o trabalhador é a união. Quando mais forte é o movimento, mais as gerências se vêem pressionadas a não ultrapassar os limites impostos pela Lei de Greve.

Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.