Covid-19 mata operador de rádio da P-53, na Bacia de Campos

Sexta, 19 Março 2021 15:37

O Sinttel-Rio (Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações) informou hoje a morte, na noite de ontem, do operador de rádio Alcyr Lorena, que atuava na plataforma P-53, na Bacia de Campos. O trabalhador é mais uma vítima da covid-19 entre profissionais que atuam em instalações da Petrobrás.

“É com tristeza que o Sinttel-Rio recebe a notícia do falecimento de Alcyr Lorena, operador de rádio GMDSS, plataforma P-53 Bacia de Campos, terceirizado da Petrobras, empregado da empresa Green World, que tem os trabalhadores e trabalhadoras representados pelo nosso Sindicato”, disse a entidade (aqui).

Natural de Niterói, Alcyr morava em Nova Friburgo e tinha passagem por diversas empresas do setor de telecomunicações. Além de operador de rádio, o trabalhador formou-se em Administração de Empresas pela Universidade Candido Mendes. Sua idade não foi informada.

O Sindipetro-NF tem denunciado o avanço da covid-19 em várias áreas da companhia, especialmente em plataformas, em razão da negligência da empresa no cumprimento de medidas de prevenção.

Em luto por mais esta perda, o NF manifesta as suas condolências aos familiares, amigos e colegas de trabalho de Alcyr Lorena. Presente!

[Da imprensa do Sindipetro NF]

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.