Petroleiros(as) do Unificado rejeitam proposta do TST

Sexta, 18 Outubro 2019 13:35
O Sindipetro Unificado-SP encerrou na noite desta quinta-feira (18), as assembleias de votação dos indicativos da FUP, referentes à campanha reivindicatória dos petroleiros. A proposta de Acordo Coletivo, apresentada pelo TST no dia 19 de setembro, foi rejeitada pela maioria dos trabalhadores.A categoria também votou a favor dos indicativos de aprovação dos itens encaminhados ao TST em 26/09, como melhoria à proposta do Tribunal,  e do condicionamento da assinatura da eventual aprovação das propostas às assinaturas dos acordos coletivos de trabalho das subsidiárias e da Araucária Nitrogenados. A proposta de greve a partir do próximo dia 26, se não houver negociação, não foi aprovada.

Foram realizadas 35 assembleias, entre os dias 8 e 17, na Recap, em Mauá, e na Replan, em Paulínia; nos terminais paulistas de Guararema, Barueri, Guarulhos, Ribeirão Preto e São Caetano do Sul e nos terminais das cidades de Brasília (DF), Senador Canedo (GO), Uberaba e Uberlândia (MG); nas termelétricas de São Paulo e de Três Lagoas (MS); nos prédios administrativos Edicon e Edisp 2, em São Paulo, e Esbras, em Brasília; nos prédios da TBG em Campinas e Hortolândia; e nas sedes regionais de Mauá, São Paulo e Campinas. As assembleias tiveram participação de 1728 trabalhadores.

O resultado nacional das assembleias dos sindicatos será discutido nesta sexta-feira (18), pelo Conselho Deliberativo da FUP. Na segunda-feira (21), será realizada reunião da direção do Unificado e, em breve, divulgaremos os próximos passos da nossa campanha.

Confira o resultado final das assembleias do Unificado:

1) Rejeição da proposta apresentada pelo TST no dia 19/09
Votação geral: votos a favor 49,31% votos contra 46,01% abstenções 4,68%
Votos válidos: votos a favor 51,73% votos contra 48,27%

2) Aprovação dos itens encaminhados ao TST, em 26/09, como melhoria à proposta do Tribunal

votos a favor 60,94%
votos contra 28,24%
abstenções 10,82%
Votos válidos
votos a favor 68,33%

votos contra 31,67%

3) Condicionar a assinatura da eventual aprovação das propostas às assinaturas dos acordos coletivos de trabalho das subsidiárias e da Araucária Nitrogenados
votos a favor 64,12%

votos contra 26,97%
abstenções 8,91%
Votos válidos
votos a favor 70,39%

votos contra 29,61%

4) Caso não ocorra negociação, greve à partir da zero hora do dia 26/10
votos a favor 30,61%

votos contra 49,36%
abstenções 20,03%
Votos válidos
votos a favor 38,28%
votos contra 61,72%
 
[Via Sindipetro Unificado-SP]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram