Setor metalúrgico cria quase 23 mil postos de trabalho em janeiro

Terça, 19 Março 2013 10:03

Rede Brasil Atual

O setor metalúrgico criou 22.848 postos de trabalho em janeiro, mostra estudo  Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT com base em dados do Ministério do Trabalho e Emprego. Este resultado, diz a entidade, leva o setor ao maior estoque de trabalhadores em 18 anos, com 2,4 milhões de vagas, e é mais que o saldo obtido em todo o ano passado.

Por segmento, o destaque foi a indústria de máquinas e equipamentos, com 7.651 contratações no começo de 2013. Em seguida vêm os segmentos automotivo, que abriu 6.856 vagas, siderúrgica e metalurgia básica, com 3.939, e eletroeletrônico, com 3.480 vagas. A CNM destaca, no comunicado que acompanha a pesquisa, que são contratações importantes do ponto de vista da recuperação de empregos fechados ao longo do ano passado.

Neste sentido, também o balanço por regiões é visto com otimismo pela entidade. Enquanto no ano passado a região Sudeste registrou o fechamento de 1.153 postos de trabalho, no primeiro mês de 2013 teve a abertura de 12.763 vagas. O Sul, que em 2012 teve balanço positivo de 12.465 trabalhadores, em janeiro contratou outros 7.877.

Publicado em DESENVOLVIMENTO

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram