Após atos nas bases, NF convoca trabalhadores para manifestações em Macaé e Campos

Sexta, 14 Junho 2019 15:19

O Sindipetro-NF começou a manhã desta sexta-feira, 14, dia de Greve Geral, com trancaços e paralisações em todas as bases terrestres. O objetivo foi aproveitar o momento para dialogar com os trabalhadores e trabalhadoras sobre as consequências da Contra Reforma da Previdência e os prejuízos da privatização da Petrobrás e suas subsidiárias em relação a geração de emprego, melhoria de renda, educação e saúde.

“As bases da Petrobras amanheceram fechadas porque essa greve ter que dar o recado, não só para esse Governo, que quer aprovar a Reforma da Previdência e privatizar a Petrobras, mas também para a gestão da Petrobras, que nós não aceitamos a retirada de direitos”, frisou o coordenador Tezeu Bezerra.

Ainda pela madrugada, trabalhadores e movimentos sociais realizaram uma manifestação na BR-101 em Campos, próximo à Ururaí.

Os portões foram liberados por volta das 8h30, mas a orientação do Sindipetro-NF é que os trabalhadores e trabalhadoras participem das movimentações populares, que estão sendo realizadas nas cidades de Campos e Macaé. Em Macaé, os protestos começaram por volta das 09h, no Calçadão. Em Campos, os protestos também serão no Calçadão, mas a partir das 14h.

No decorrer do dia, a diretoria do  NF, além de participar dos atos, que acontecem pelas ruas de Macaé e Campos, estará nos aeroportos dialogando com a categoria.

Para todos os trabalhadores lotados na UTGCAB e na Malha de Gás (representados pelo SindipetroNF), seja do Regime especial, Sobreaviso Parcial e Administrativo, orientamos que nas passagens de serviços, DDSMS e Dialogo antes de iniciar trabalhos realizem um dialogo sobre as consequências da Contra Reforma da Previdência e os prejuízos da privatização da Petrobrás e suas subsidiárias em relação a geração de emprego, melhoria de renda, educação e saúde.

Já para as plataformas, o sindicato indica a realização de Operação Padrão, com a execução de todos os procedimentos com o máximo de rigor e critério possível.

O NF reforça ainda que é muito importante que a categoria petroleira, que está em Estado de Greve e em Estado de Assembleia Permanente, continue em sintonia com o sindicato e envie todas as informações sobre as atividades para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e eventuais denúncias sobre assédios e coações para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

[Sindipetro-NF]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram