Defesa da Petrobrás e redução dos combustíveis em pauta na Alep

Sexta, 01 Junho 2018 16:39
Avalie este item
(0 votos)

Presidente do Sindicato falará aos deputados estaduais sobre as pautas de luta da categoria petroleira

O presidente do Sindicato dos Petroleiros do Paraná e Santa Catarina (Sindipetro PR e SC), Mário Dal Zot, vai ocupar o Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), durante a sessão ordinária da próxima segunda-feira (04), por volta das 14h00.

Mário irá falar aos deputados e público presente sobre a situação da Petrobrás, as ameaças de privatização de refinarias, dutos e terminais, e os impactos dessa eventual venda de unidades na economia do Paraná e cidades que têm plantas da estatal.

O presidente do Sindipetro ainda vai explanar sobre a equivoca política de preços dos combustíveis adotadas pela petrolífera estatal. Desde julho de 2017, quando a nova política de preços passou a vigorar, os reajustes passaram a ser diários. A Petrobrás já alterou 230 vezes os preços nas refinarias, com aumentos de mais de 50% na gasolina e diesel, enquanto os preços do GLP tiveram 60% de reajuste.

Dal Zot vai falar na sessão da Alep a convite do deputado estadual Tadeu Veneri (PT). “Convido todos os petroleiros e petroleiras que estiverem em dia de folga para comparecer à Assembleia Legislativa e lotar as galerias destinada ao público. Temos que mostrar nossa unidade e força de mobilização para pressionar os políticos a aderirem à nossa pauta de defesa da Petrobrás, que também é de interesse de toda a sociedade”, afirmou Mário.

:: Serviço

O que? Defesa da Petrobrás e redução dos combustíveis em pauta na Alep

Quando? Segunda-feira (04/06/2018), às 14h00.

Onde? Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná

Praça Nossa Senhora do Salete, s/n - Centro Cívico, Curitiba - PR

Via Sindipetro PR/SC

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram