Os petroleiros vão parar: greve nacional em defesa da democracia

Sexta, 06 Abril 2018 14:37

A direção do Sindipetro Caxias realizou um ato em solidariedade ao presidente Lula e em defesa da democracia, esta manhã no Arco da REDUC. O indicativo da FUP, colocada ontem (5), convocando greve nacional dos Petroleiros contra a prisão arbitrária do ex-presidente Lula, foi aprovada por unanimidade pelos petroleiros do Turno e HA, da REDUC, TECAM e UTE-GLB. A direção agora segue para São Bernardo do Campo, em SP, para participar da vigília de apoio ao Lula, no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Acompanhe as mídias do Sindipetro Caxias para novas informações:

Clique aqui e acesse o nosso Facebook

Clique aqui e acesse o nosso Instagram

[Via Sindipetro Duque de Caxias]

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram