Sindicato lança nota repudiando visita de Betânia Coutinho

Sexta, 02 Junho 2017 16:30

A Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN vem a público manifestar o seu mais veemente repúdio à visita ao Rio Grande do Norte da senhora Betânia Rodrigues Coutinho. Integrante do Conselho de Administração da Petrobras, na condição de representante dos trabalhadores e trabalhadoras, a senhora Betânia tem tido uma atuação nefasta, completamente apartada dos interesses da categoria petroleira e do povo brasileiro.

Submissa à lógica que se instalou no comando da Companhia desde a posse de Pedro Parente, notório entreguista indicado pelo usurpador, Michel Temer, a senhora Betânia não parece se envergonhar por endossar, repetidas vezes, uma política de traição nacional que procura desmantelar o Sistema Petrobrás e ceder riquezas estratégicas à exploração de petrolíferas estrangeiras.

Ao contrário. Para satisfazer a sede de lucros de acionistas privados nem um pouco interessados no aproveitamento do petróleo como fator de impulsionamento do desenvolvimento econômico nacional e regional, a conselheira, agora, decide percorrer instalações da Empresa para, na ludibriosa condição de “apolítica”, dar aval ao processo que visa transformar a Petrobrás em mera produtora e exportadora de óleo cru.

Fosse um evento aberto ao público das comunidades locais, a turnê da senhora Betânia iniciada ontem (quinta-feira), 1º/06, em Natal – com total apoio de gerentes que nunca demonstraram igual disposição com outras representações de trabalhadores, poderia sentir melhor o apreço da população norte-rio-grandense pela política lesa-pátria que a conselheira respalda.

A saída da Petrobras do Rio Grande do Norte e de outros estados do Nordeste é muito mais do que uma simples operação de venda de ativos para sanar a situação financeira da empresa. É um golpe mortal, perpetrado pelos que buscam o lucro fácil e rápido, que desarticulará e fragilizará um importante setor da economia, responsável pela geração de riqueza e empregos para centenas de milhares de pessoas.

Natal (RN), 2 de junho de 2017

A Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram