Na Bahia, trabalhadores da empresa de produtos plásticos Novel estão em greve desde ontem

Terça, 16 Julho 2013 13:27

Sindiquímica Bahia

A greve dos trabalhadores da empresa Novel, localizada na Estrada do Coco, na Bahia, foi iniciada a zero hora de ontem (15). De acordo com as informações do Sindiquímica, a adesão a greve é geral.

O sindicato vem negociando uma pauta de reivindicações desde o ano passado, mas a Novel praticamente não apresentou contraproposta para resolver as pendências. Os trabalhadores reivindicam redução dos valores descontados na co-participação no plano de assistência médica; ampliação da licença maternidade para seis meses; pagamento imediato da Participação nos Lucros e Resultados (PLR/2013) e implementação de uma política de segurança para coibir a ocorrência de acidentes. Além da implementação de um plano de remuneração que corrija as distorções e valorize os empregados e reajuste linear de 10% para todos os trabalhadores.  

Na ultima rodada de negociação, no dia 12, a empresa aceitou discutir a maioria das cláusulas, mas não todas. Ficaram pendentes dois pontos: plano de remuneração e o reajuste linear. Os trabalhadores não aceitaram a contraproposta da empresa e decidiram pela greve por tempo indeterminado. Em retaliação, a Novel atrasou o pagamento dos salários.

O Sindiquímica busca também resolver os problemas na área de segurança. Os operadores que manuseiam máquinas injetoras, por exemplo,  se queixam das péssimas condiçoes de segurança dos equipamentos, com riscos de acidente a qualquer momento. Outras áreas também apresentam problemas. A emprega  cerca de 140 funcionários e produz embalagens plásticas.

Mais informações com os diretores do Sindiquímica, Jaime Mota, telefone 71 8882-2515 e Carlos Itaparica 71 8884-0484.   

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram