Acidente na U-36: relatório indica que gerente cometeu falha

Terça, 26 Fevereiro 2013 13:51

Sindipetro-BA

O relatório da Comissão de investigação do acidente que quase matou o operador da U-36, Edmilson Sacramento, em 18 de janeiro, tem 20 páginas.

A Comissão iniciou o seu trabalho, dia 22\1, já com erro: não incluiu como determina o ACT, um representante do Sindipetro Bahia, só o fazendo no dia 29\1, faltando cinco dias para a conclusão da investigação (o prazo final foi 4\2).

Qualquer leigo com acesso ao material pode facilmente constatar que o acidente tem sim um culpado, sem margem a preconceitos ou questões que não sejam eminentemente profissionais e de capacidade gerencial.

E isso está legível e bem claro no item 9 do Relatoria da Comissão - Identificação das Falhas – onde o gerente setorial Mansur (CRDH) assume aos integrantes da Comissão de investigação que houve falha de gestão, sendo que a “gestão” é dele.

O resto das 20 páginas só confirma o que operadores e a direção do Sindipetro Bahia já afirmaram sobre esse episódio.

Não se pode, portanto, proteger, sob nenhuma hipótese, o atual gerente nesta atividade, sob a responsabilidade de mais acidentes ocorrerem nas unidades da RLAM, até mesmo com perspectivas de morte.

IMPORTANTE

Como advertência, o Sindipetro Bahia informa que no último dia 19/2, no meio do turno de 16 horas, o mesmo gerente setorial Mansur, autorizou drenar o C-3903, contendo gasolina, GLP e outros produtos do topo da torre (E-3901) com 70,3 ppm de benzeno, detectado às 15 horas e 10 minutos, direto para canaleta de esgoto oleoso, em uma sistema aberto para atmosfera.

O pessoal da terceirizada Potencial foi atingido com a água suja e produtos químicos contaminados com benzeno, por causa dessa drenagem inadequada.

A drenagem era para ser feita quinze dias atrás, mas um técnico de segurança e seu supervisor, na época, não autorizaram a drenagem para o sistema aberto, mas o gerente Mansur autorizou que fosse feito.

Resultado: a concentração de benzeno foi parar na Estação de Tratamento de Despejos Industriais\ETDI.

Até quando teremos que conviver com os desmandos e a irresponsabilidade do Senhor Mansur na RLAM?

 

Publicado em SINDIPETRO-BA

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.