Petroleiro da Transocean teve dedo do pé amputado após acidente em NS-27

Segunda, 07 Maio 2012 10:12

No dia 2 de maio, o petroleiro da Transocean, Max Cordeiro, trabalhava com tubos a bordo de NS-27, quando um deles caiu sobre seu pé e amassou um dos dedos.

O trabalhador sofreu amputação de um dedo do pé e encontra-se internado em hospital de Aracaju, com perspectiva de alta para o final de semana. Segundo informações, a família está acompanhando o trabalhador com todas as despesas pagas pela Transocean.

O Sindipetro-NF está acompanhando o caso e o diretor Vicente Marques foi indicado para participar da comissão de investigação do acidente.

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram