Ato no Edifício sede da Petrobrás na Bahia reforça greve e cobra reposição do efetivo

Segunda, 09 Novembro 2015 14:03

Nesta manhã de segunda (09\11), trabalhadores do Ediba realizam ato com participação de dezenas de petroleiros da Transpetro e os aprovados no último concurso da Petrobrás, mas até hoje não convocados para trabalhar. A indignação é muito grande com a intransigência da empresa e com as práticas antisssindicais dos gerentes.

Segundo o diretor Jairo Batista, os trabalhadores e os concursados mostram solidariedade ao movimento grevista, que entra hoje no seu 9º dia, com adesão de cerca de 80% em todas as áreas e unidades do Sistema Petrobrás.

Ainda segundo o diretor da Sindipetro Bahia, uma das reivindicações da Pauta pelo Brasil, entregue pela FUP e seus sindicatos filiados a Petrobrás é justamente a reposição do efetivo, com a convocação dos concursados que foram aprovados.

 Imprensa: Sindipetro Bahia

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram