Gerência da Rlam tenta armar banquete para a pelegada

Domingo, 08 Novembro 2015 19:05

O Sindipetro-BA informou que na tarde deste domingo (08), os gerentes da Refinaria Landulpho Alves, tentaram realizar um banquete regado a cerveja, refrigerante e moquecas de peixe, camarão e mariscada. Eles contrataram um táxi que foi barrado no piquete feito no Trevo da Resistência pelos militantes para entregar as comidas a uma suposta família de oito pessoas que estava veraneando nas dependências do CEPE.

Desconfiando da informação por saber que não existia ninguém dentro do clube e por estranhar a quantidade de comida a diretora do Sindipetro Bahia, Rosangela Maria, acompanhou o carro até o CEPE para verificar a entrega. “Lá procuramos um funcionário que nos informou que não existia nenhuma família dentro do espaço”, afirma.

Para Rosangela “foi tudo um teatro armado pela gerência da refinaria para a entrada de um verdadeiro banquete com bebidas e 48 quentinhas que serviria para aproveitar o domingo de sol à beira da piscina, já que eles têm acesso da RLAM ao clube por um portão”, indignada relata a diretora.

Após constatar que não existia ninguém para entregar a comida, o motorista voltou para o restaurante com todas as comidas e bebidas.

 

Fonte: Sindipetro-BA

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram