Sobe para 39 o número de unidades marítimas em greve na Bacia de Campos

Segunda, 02 Novembro 2015 16:35

A UMS Cabo Frio (Unidade de Manutenção e Serviço), que está acoplada à plataforma PPM-1, acaba de aderir à greve nacional dos petroleiros e paralisou as suas atividades. A informação foi repassada à diretoria do Sindipetro-NF. Com esta adesão, sobe para 39 o número de unidades marítimas em greve na Bacia de Campos, além do Terminal de Cabiúnas, em Macaé, que está com a rendição cortada.

O sindicato continua a estimular a entrada de outras UMS no movimento, assim como das plataformas restantes da Bacia de Campos. As informações com a atualização sobre a situação da greve nas unidades devem ser enviadas paraEste endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou passada por telefone pelos celulares dos diretores do sindicato.

Fonte: Sindipetro NF

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram