Indicativo da FUP tem alto índice de aprovação dos petroleiros! Veja a parcial das assembléias

Segunda, 28 Novembro 2011 22:00
Assembléias já foram concluídas em PE/PB e no CE. Nas demais bases do Sistema Petrobrás, a consulta aos trabalhadores prossegue até terça-feira, 06.

Imprensa da FUP

Nesta terça-feira, 29, as assembléias com os trabalhadores de todo o Sistema Petrobrás tiveram prosseguimento. Até o momento, o indicativo da FUP e seus sindicatos, de aceitação da terceira proposta conquistada nas últimas negociações com a Petrobrás e, de suspensão da greve com parada e controle de produção, teve alto índice de aprovação. Os sindicatos prosseguem ao longo da semana e serão encerradas na próxima terça-feira, 06 de dezembro.

Confira as parciais desta  terça-feira:

AM – Nas unidades da Petrobrás no estado do Amazonas, as assembléias prosseguem nesta terça-feira, 29, nas áreas operacionais e administrativas da Reman e nos terminais da Transpetro em Manaus. Os trabalhadores estão aprovando o indicativo da FUP e seus sindicatos. Nas assembléias de hoje, foram 66 votos a favor, 02 contrários e uma abstenção.

CE – No Ceará, as assembléias foram realizadas com os trabalhadores dos campos de produção terrestre da Fazenda Belém, da Usina de Biodiesel Quixadá (UBQ), das áreas operacionais e administrativas da Lunor, da Termo Ceará, da sede administrativa do E&P, dos terminais da Transpetro em Maracanaú, Pecém e Mucuripe e das plataformas marítimas. Nas unidades da Petrobrás da região, a proposta teve 188 votos de aprovação, 16 contrários e 07 abstenções. As assembléias foram encerradas hoje.

RN – A continuidade das assembléias no Rio Grande do Norte ocorreu na base administrativa da Petrobrás em Mossoró, onde a proposta teve a aprovação de 95% dos trabalhadores e nas unidades operacionais do Canto do Amaro, onde a proposta também foi aprovada. As assembléias serão realizadas até quinta-feira, 01 de dezembro, nos terminais da Transpetro de Natal, nos campos de produção terrestre no Riacho da Forquilha, no Pólo de Guamaré e também nas sondas de perfuração de petróleo.

PE/PB –  As assembléias em Pernambuco foram encerradas no Gasoduto Paratibe, na base de Jaboatão nesta terça-feira, 29. A consulta aos trabalhadores começou no domingo, 27, e prosseguiu até hoje, nas áreas operacionais e administrativas do Terminal de Suape, da Refinaria Abreu e Lima, do Terminal de Cabedelo e da sede administrativa da Petrobrás em Recife. No total, a proposta teve 82 votos de aprovação, 32 contrários e 9 abstenções.

BA – Nas bases do Sistema Petrobrás na Bahia, as assembléias serão iniciadas a partir de amanhã, com os trabalhadores do Conjunto Pituba, do Cofip e da UP. Ao longo da semana, o sindicato dará prosseguimento às  assembléias na Rlam, nos terminais da Transpetro, na Fafen e demais unidades operacionais.

 

MG – Em Minas Gerais, as assembléias já foram encerradas na Usina de Biodiesel de Montes Claros, que foram os primeiros ouvidos na região. Nesta unidade, a proposta foi aprovada por unanimidade. Hoje, o Sindipetro – MG deu prosseguimento às assembléias com os trabalhadores do grupo 3 e do setor administrativo da Regap. No total, foram 153 votos a favor da proposta, 05 contra e 02 abstenções. As assembléias continuam até amanhã com os trabalhadores de turno da refinaria.

ES – Na sede administrativa da Petrobrás, em Vitória, a proposta também foi aprovada em assembléia realizada hoje. O indicativo da FUP e seus sindicatos teve 64 votos a favor e 04 contra. A consulta aos trabalhadores também ocorreu em outra unidade administrativa da empresa, mais conhecida como Ed. Pedra da Cebola, onde a proposta teve aprovação com 24 votos e rejeitada por apenas 02. O Sindipetro – ES prossegue com as assembléias no Terminal Aquaviário Barra do Riacho (TABR).

Duque de Caxias – Na Reduc, as assembléias tiveram prosseguimento na noite de ontem, com os trabalhadores do Grupo A, que seguiram aprovando a proposta com 72 votos. Dos contrários, houve 22 votos e apenas uma abstenção. Hoje, no setor administrativo da refinaria, o indicativo de aceitação da proposta teve 49 votos a favor, 39 contra e nenhuma abstenção. As assembléias continuam nas unidades operacionais da Reduc e no Terminal de Campos Elíseos até quinta-feira, 01.

Norte Fluminense – Na Bacia de Campos, as assembléias começaram no sábado, 26, e concluídas na noite de ontem. Ao todo, 34 plataformas enviaram as atas solicitadas pelo Sindipetro – NF, totalizando 624 votos a favor da proposta, 286 contra e 17 abstenções. Nas bases de terra, no Terminal de Cabiúnas, as assembléias serão iniciadas na sexta-feira, 02 e prosseguem até a próxima terça-feira, 06.

PR/SC – No Paraná e Santa Catarina, as assembléias foram iniciadas na tarde de ontem, com os trabalhadores da Usina do Xisto, em São Mateus do Sul. Nesta unidade, a proposta teve 100% de aprovação. Hoje, o Sindipetro PR/SC realiza assembléias na Repar, que acontecem até sexta-feira, 02.

RS – Hoje foi a vez dos petroleiros da Refap participaram das assembléias, que totalizaram 77,1% de aprovação da proposta, 20,4% de rejeição e 2,5% de abstenção. Na refinaria, a consulta aos trabalhadores continua na parte da tarde. Amanhã, o Sindipetro – RS realiza assembléias na UTE e na quinta-feira, 01, no terminal da Transpetro e novamente na Refap.

Até o fechamento desta matéria, a parcial das assembléias realizadas nas bases do Unificado de São Paulo não foram informadas à Federação. Em breve, o andamento destas assembléias serão divulgadas aqui.

Conheça as principais conquistas da proposta garantida na luta dos petroleiros

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram