Operação Gabrielli “ocupa”a RECAP

Quarta, 02 Novembro 2011 22:00
Desde as primeiras horas do dia, 17 dirigentes sindicais percorreram a refinaria conversando com os trabalhadores, explicando o movimento e a importância da participação...

Sindipetro Unificado-SP

A direção do Sindicato Unificado ocupou nesta quinta-feira, 3 de novembro, a Refinaria de Capuava, para realizar a “Operação Gabrielli”, que consiste no cumprimento rigoroso de todos os procedimentos de segurança, que as gerências burlam diariamente.

As mobilizações por segurança são mais uma forma de protesto contra a política de SMS da empresa, que já matou 309 petroleiros e feriu e mutilou milhares de companheiros nos últimos 16 anos.

Desde as primeiras horas do dia, 17 dirigentes sindicais percorreram a refinaria conversando com os trabalhadores, explicando o movimento e a importância da participação consciente de todos na “Operação Gabrielli”. A resposta foi a mais positiva possível, os trabalhadores aderiram plenamente ao protesto, apesar da pressão de chefias.

Assim como ocorreu no Terminal São Caetano na semana passada, este protesto pacífico e ordeiro mostrou para a direção da empresa que nenhum petroleiro – próprio ou terceirizado – aguenta mais conviver com o clima de insegurança nas unidades e com a irresponsabilidade de gerentes e chefetes, que só pensam em metas e lucros.

 

 

 

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram