As famílias atingidas pelas chuvas precisam da sua ajuda

As chuvas desse final de maio na Região Metropolitana de Recife potencializaram os problemas decorridos da desigualdade social nos centros urbanos. Os alagamentos e deslizamentos de barreiras expõem a completa ausência de políticas públicas habitacionais, além da falta de planejamento urbano. E quem tem pago por isso muitas vezes com a vida é o povo pobre, empurrado para morar em encostas e ocupar áreas ribeirinhas.

Ainda que identificar os responsáveis pelos problemas seja necessário, o fundamental para o momento de emergência em que essas famílias vivem é a solidariedade. Diante da perda de sonhos, casas e o pouco que se tem, a chegada de uma ajuda, pequena como seja, é de enorme valia.

O Sindipetro PE/PB convoca cada petroleiro e petroleira para, na medida da disponibilidade e e do senso de responsabilidade social, entrar em contato com alguma organização que esteja reunindo donativos e colaborar pela redução do sofrimento de alguma dessas famílias.

Seguem sugestões

Projetos Mão Solidárias – MST/PE

Associação da Juventude Camponesa Nordestina – Terra Livre – CNPJ: 094.232.70/0001-80 . Banco do Brasil – Ag. 0697-1 C/C. 58.892-X – Chave PIX: 094.232.70/0001-80 – Fone de contato: 81 99855-3121 Paulo Mansan

CUFA – Central Única das Favelas

Re Favela Produções – CNPJ: 35.433.107/0001-08 . Banco Nu Pagamentos (260) – Ag. 0001 Conta 56883499-8 – Chave PIX: 35.433.107/0001-08 – Fone de contato: 81 98819-6990 Altamiza Melo

FASE – Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional

CNPJ: 33.700.956/0002-36 . Bradesco – Ag. 0286-0 C/C. 676499-1 – Chave PIX: [email protected] – Fone de contato: 81 99467-0989 Cristiano / 81 98997-7016 Diego Liberalino / Doações para essa federação favor identificar a instituição (Cozinha Solidária – MTST/PE / APCPE-Associação das Pessoas Carentes de Pernambuco).

Obs: Entrar em contato direto com os telefones das pessoas responsáveis para tratar a melhor maneira de contribuir.