updated 2:25 PM BRST, Dec 14, 2017
Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

Parcial mostra aprovação quase unânime dos indicativos da FUP

Com 9 sessões de assembleias já realizadas até a metade da tarde desta quarta-feira (22), dentre as 27 previstas, a categoria petroleira do Paraná e Santa Catarina está aprovando quase que por unanimidade os indicativos da FUP.

A primeira parcial feita pelo Sindicato aponta que 94,38% dos participantes das assembleias aprovam a deflagração de greve por tempo indeterminado, com data de início a ser definida pela FUP, em caso de qualquer redução de direitos, como descritos e consagrados no ACT 2015/2017. Neste ponto não foram registrados votos contrários e abstenções somaram 5,62% dos votos.

A prévia ainda mostra que 98,25% concordam que a conclusão do ACT deverá se dar para a Petrobrás e todas as subsidiárias, incluída a Araucária Nitrogenados S.A (Fafen-PR), com renovação e validade por 2 anos, contemplando também o termo aditivo, com salvaguardas à Lei 13.467/17 (contrarreforma trabalhista) e suas modificações. Esta segunda pauta também não teve votos contrários e registrou apenas 1,75% de abstenções.

As assembleias nas bases do Sindipetro Paraná e Santa Catarina prosseguem até a próxima segunda-feira (27). Confira aqui o calendário das assembleias.

Fonte: Sindipetro-PR/SC

Mídia