Encontro Nacional dos Petroleiros do Setor Privado começa dia 28, em Catu (BA)

Quinta, 20 Maio 2010 21:00
Nos dias 28 e 29 de maio, a FUP junto aos sindicatos filiados e oposições reconhecidas realizam o II Encontro...

Imprensa da FUP

 

Nos dias 28 e 29 de maio, a FUP, junto com os sindicatos filiados e oposições reconhecidas, realiza o II Encontro Nacional dos Petroleiros do Setor Privado. O evento será em Catu, na Bahia. Os trabalhadores irão discutir e deliberar sobre a pauta de reivindicações que será levada à II PlenaFup, assim como, plano de luta e a situação da sondagem terrestre na Petrobrás.

 

Além de discutir as campanhas e calendários para 2010, os trabalhadores do setor privado farão um balanço das negociações passadas e debaterão questões como previdência complementar, economia solidária, acordos nacionais pendentes, precarização das condições de trabalho dos terceirizados no Sistema Petrobrás, antecipação das agendas de negociação do segundo semestre, entre outros pontos de pauta.

 

Veja abaixo a programação do Encontro:

 

Dia 28/05 – Sexta-feira

19:00hs – Abertura

21:00hs – Jantar

DIA 29/05 – Sábado

09:00hs – Terceirização na Petrobrás - palestrante: Ubiraney Porto, diretor da FUP

10:45hs – Intervalo

11:00hs – Sondagem Terrestre - palestrante: Radiovaldo Santos, diretor do Sindicato dos Químicos e Petroleiros da Bahia

12:30 às 14:00hs - Almoço 

14:00hs – Economia Solidária - palestrante: Cedro Silva, diretor do Sindicato dos Químicos e Petroleiros da Bahia

14:30hs – Previdência Complementar - palestrante: Paulo Cesar Martin, diretor da FUP

15:15hs- Intervalo

15:30hs – Lei nº 5811/72 - palestrante: Dr. Normando Rodrigues, assessor jurídico da FUP 

17:00hs – Debate e Encaminhamentos

18:00hs- Encerramento

20:00hs- Noite Cultural


 

 

Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.