Governo e Petrobrás vão discutir medidas de prevenção a acidentes como o do Golfo do México

Domingo, 02 Maio 2010 21:00
Na próxima sexta-feira (7), a ministra do Meio Ambiente, Izabela Teixeira, e a secretária do Ambiente do Rio de Janeiro...

Agência Brasil

Na próxima sexta-feira (7), a ministra do Meio Ambiente, Izabela Teixeira, e a secretária do Ambiente do Rio de Janeiro, Marilene Ramos, se reunirão com especialistas da Petrobrás e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para discutir o acidente ocorrido no Golfo do México, quando uma plataforma de petróleo afundou provocando o vazamento de milhões de litros de óleo no mar.


Um grupo de trabalho será criado para acompanhar o caso e propor medidas que impeçam desastres semelhantes na costa dos estados do Rio de Janeiro, maior produtor de petróleo do país, e do Espírito Santo. “O licenciamento da exploração do petróleo é federal, mas queremos nos certificar da segurança desta exploração”, afirmou Marilene.

 

Segundo a secretária, o dinheiro dos royalties é importantes para financiar medidas de prevenção desse tipo de emergência. Se for aprovada, pela Câmara dos Deputados, a emenda de repartição dos royalties do petróleo, proposta pelo deputado federal Ibsen Pinheiro (PMDB/RS), o Rio poderá perder até R$ 7 bilhões/ano só com a redução dos repasses.

Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.