Novo acidente no Gasbel II assusta trabalhadores terceirizados

Domingo, 28 Março 2010 21:00
Trabalhadores ficam assustados com incêndio no mesmo local que há uma semana ocorreu acidente que feriu seis terceirizados...

Sindipetro MG

 

Por volta das 19h, do dia 25 de março, trabalhadores perceberam um incêndio no gasoduto Gasbel II, em Oliveira Fortes, no trevo entre Santos Dumont e Barbacena, na Zona da Mata mineira e, por sorte, própria brigada da empresa conseguiu debelá-lo e não houve feridos.

 

Mais uma vez a construção do gasoduto Gasbel II, na Estação Mantiqueira, que tem como responsável a empresa Egesa, assusta trabalhadores terceirizados da Petrobrás com acidentes. Desta vez foi uma falha no compressor de ar, segundo nota da Egesa.

 

O Corpo de Bombeiros de Barbacena foi acionado, mas quando chegou ao local as chamas já haviam sido apagadas pela brigada de incêndio do local.

 

Na semana anterior um acidente feriu seis trabalhadores, sendo três gravemente, no mesmo trecho da obra.

 

Podemos notar a repetição de acidentes envolvendo trabalhadores terceirizados da Petrobrás. A FUP publicou esta semana em seu boletim importante dado que desde 2000 já ocorreram 171 mortes de trabalhadores em acidentes no Sistema Petrobrás, das quais 139 foram com terceirizados. Os seguidos acidentes graves, vitimando, como sempre, trabalhadores contratados, ressaltam os impactos da terceirização no Sistema Petrobrás. É a chamada terceirização de riscos, que é resultado direto da forma como os gestores da empresa conduzem as contratações, permitindo que as prestadoras de serviço descumpram direito e lesem trabalhadores.

 


 

Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.