Manobra da Petrobrás inviabiliza pagamento do adiantamento da PLR

Quinta, 08 Janeiro 2009 22:00
Após diversas cobranças da direção da FUP, a gerência de RH da Petrobrás finalmente...

Imprensa da FUP

Após diversas cobranças da direção da FUP, a gerência de RH da Petrobrás finalmente realizou na quarta-feira, dia 7, reunião para definir o pagamento do adiantamento da PLR 2008. Representantes da Petrobrás Transporte e Petroquisa também participaram da reunião.

Em desrespeito aos trabalhadores, os representantes da empresa informaram que não irá ocorrer o adiantamento da PLR 2008, devido às dificuldades que a Petrobrás e suas subsidiárias frente à crise financeira mundial.

Em 19 de dezembro do ano passado, a Petrobrás comunicou ao mercado que foram provisionados R$ 7,019 bilhões para pagar o adiantamento dos dividendos aos acionistas, sob a forma juros sobre capital próprio, e que a data de pagamento desses dividendos seria definida em sua Assembléia Geral Ordinária, que seria realizada somente no dia 08/04/09.

Com este artifício, a empresa inviabilizou o pagamento do adiantamento da PLR 2008, pois, de acordo com resolução do Departamento das Estatais (DEST), o pagamento de PLR aos trabalhadores das empresas estatais só pode ser feito após o pagamento dos dividendos dos acionistas.

Além disso, a empresa descumpre uma prática já conquistada pela categoria, que é o pagamento da antecipação da PLR no mês de janeiro.

Publicado em Últimas Notícias

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.