Expro Group: Negociação do ACT

Quarta, 24 Novembro 2021 21:25
Expro Group: Negociação do ACT expro.com

A Federação Única dos Petroleiros protocolou, no dia 18 de novembro, um documento onde questiona diversos itens da proposta de Acordo Coletivo de Trabalho da empresa Expro Group e sugere melhorias no texto.

Na proposta, o piso salarial mensal dos trabalhadores sobe de R$1640,00 para R$ 1750,86, um aumento de 6,76%. Também fica estabelecido o reajuste salarial de 6,76% incidentes sobre os salários vigentes no mês de maio de 2021. Os benefícios como Auxílio Creche, ticket refeição e Auxílio Alimentação deverão ser reajustados.

A FUP também questiona o tempo de garantia de emprego da trabalhadora gestante, sugerindo a extensão do período para 6 meses a partir do parto.

Além destes, foram abordadas as horas extras, folga e o Adicional de Sobreaviso Proporcional.

Leia o documento na íntegra:

 

 

Última modificação em Quinta, 25 Novembro 2021 17:16
Publicado em Setor Privado

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.