Mobilizações intensas com grande adesão na Bacia de Campos

Quinta, 03 Outubro 2013 16:22

 

Em entrevista à Rádio NF no final da manhã, o coordenador de Comunicação do Sindipetro-NF, Marcos Breda, qualificou como “intensas” as mobilizações que os petroleiros realizam hoje na região, como parte das atividades do Dia Nacional de Luta da categoria. Das 46 plataformas da Bacia de Campos, 37 estão realizando paralisações na emissão de PTs (Permissão de Trabalho). No Terminal de Cabiúnas, os trabalhadores fazem uma Operação Padrão desde a 0h. E as bases administrativas marcaram a data com um abraço surpresa às instalações da Petrobrás em Imbetiba, fechando o acesso à companhia, por duas horas, nos três portões.

O trancaço à base contou com grande adesão dos trabalhadores e gerou impacto no trânsito de Macaé. Em razão da impossibilidade da entrada de carretas no Porto de Imbetiba, pelo acesso da Praia Campista, formou-se uma grande fila de caminhões que atingiu o fluxo de carros na chegada da rodovia Amaral Peixoto no Centro de Macaé. 

Além da propaganda

Hoje é o dia em que a Petrobrás comemora seus 60 anos, e as mobilizações têm como objetivo mostrar que a empresa ainda tem muitos problemas. “Existe uma Petrobrás da propaganda, e existe a Petrobrás que os trabalhadores conhecem, com insegurança e ataques à saúde dos petroleiros”, disse Breda.

As manifestações chamam a atenção para três pontos priorizados no momento pelos trabalhadores: a necessidade de suspender o Leilão de Libra, a derrota do Projeto de Lei da Terceirização (4330) no Congresso Nacional e a reivindicação de que a companhia apresente uma proposta de Acordo Coletivo que atenda aos empregados, que têm data-base em primeiro de setembro.

O Conselho Deliberativo da FUP (Federação Única dos Petroleiros), com representantes de todos os sindicatos petroleiros filiados, entre eles o Sindipetro-NF, se reúne no próximo dia 8 para definir novos passos para as mobilizações. Um calendário de lutas está em andamento, com atividades até o próximo dia 21, data prevista pela ANP (Agência Nacional do Petróleo) para a realização, no Rio, do Leilão do Campo de Libra.

Assista aqui à reportagem da Rádio-NF sobre a paralisação na Bacia de Campos.

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram