Sindicato convoca Assembleias nas plataformas nesta quinta, 17

Quinta, 17 Maio 2012 09:56

Sindipetro NF

O Sindipetro-NF indica para as plataformas da Bacia de Campos a realização, nesta quinta, 17, de Assembleias simultâneas às 19h, como forma de apoio à mobilização nacional pela PLR convocada pela FUP.  Na Assembleia, os petroleiros deverão realizar levantamentos sobre pendências de segurança, efetivos e ambiência, como ocorrido em indicativos anteriores da entidade. Desta vez, o sindicato indica também que os trabalhadores informem sobre a previsão de realização de parada programada de manutenção (para qual data e por qual período).

Para o sindicato, a questão da PLR tem relação direta com a segurança, uma vez que a má gestão da empresa na área tem causado prejuízos financeiros para a companhia. Como divulgado pelo Nascente 735, de fevereiro passado, estimativa produzida pelo Dieese, a pedido do NF, mostra que aproximadamente um milhão de barris de petróleo (1.028.320) deixaram de ser produzidos em 2011 em razão das interdições em plataformas na Bacia de Campos. Essa produção seria capaz de gerar uma receita de aproximadamente 116 milhões de dólares para a Petrobrás.

Em seu chamado geral à mobilização, a FUP lembra que “a Petrobrás continua ignorando as cobranças da FUP para retomada da negociação do regramento das PLRs futuras e início das discussões para quitação da PLR 2011” e que “no balanço financeiro da Petrobrás, aprovado pelos acionistas, o provisionamento da PLR 2011 foi reduzido em 7,73% em relação ao exercício de 2010, enquanto o montante referente aos dividendos subiu 2,33% no mesmo período”.

Pronunciamento na Rádio NF

A Rádio NF transmite nesta quinta, 17, às 18h, participação do diretor sindical Luiz Carlos Mendonça para dar mais informações sobre os levantamentos e as Assembleias.

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram