Petroleiros em luto: morre trabalhador da Repar

Sexta, 06 Novembro 2015 11:42

 

Pedro Alexandre Bagatin sofreu um infarto ontem (05) nas dependências da refinaria e não resistiu. Trabalhadores em greve fizeram um ato com a realização de um minuto de silêncio O petroleiro Pedro Alexandre Bagatin, supervisor de mecânica na Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), em Araucária, faleceu na manhã desta sexta-feira (06), aos 48 anos.

De acordo com informações apuradas pelo Sindipetro Paraná e Santa Catarina, Bagatin não aderiu à greve e trabalhava na tarde de quinta-feira (05), quando sofreu um infarto nas dependências da Repar. Ele teve os primeiros socorros realizados na refinaria e em seguida foi encaminhado ao Hospital Cardiológico Constantine, em Curitiba, onde permaneceu internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O Sindipetro lamenta profundamente o falecimento do petroleiro e se solidariza com a família e amigos de Bagatin. Os petroleiros e os militantes dos movimentos sociais que apoiam a greve fizeram um ato em memória da vítima, com a realização de um minuto de silêncio em frente à Refinaria.

O Sindicato investiga o caso e vai trazer novas informações em breve.

Fonte: Sindipetro-PR/SC

 

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram