Parada do HDT diminui pela metade carga de petróleo na Recap

Quinta, 05 Novembro 2015 19:15

 A direção do Sindicato Unificado dos Petroleiros do Estado de São Paulo (Sindipetro Unificado-SP) recebeu a denúncia de que a produção de petróleo na Recap sofreu uma queda de 50% nesta terça-feira (03.11). Houve uma parada de emergência da unidade de HDT, ocasionada pelo rompimento de uma solda na saída do reator. O incidente teria provocado o vazamento de uma mistura tóxica e com alto risco de incêndio e explosão, e a unidade teve que ser retirada da operação.

Com o HDT fora de funcionamento, a Recap teve a carga de produção de petróleo reduzida pela metade. A unidade também é responsável por retirar o enxofre do diesel. Sem o processo, o diesel não mantém as especificações de qualidade para ser comercializado no mercado. Todo o combustível produzido teve que ser armazenado. 

A situação preocupa o Sindicato, que não foi informado pela empresa sobre o incidente. Além disso, não se sabe, até agora, se o fato ocorreu por falha na gestão de manutenção ou pela operação inadequada da equipe de contingência. A unidade de HDT ainda não voltou a operar. 

Contingência

Alguns trabalhadores do setor de segurança que aceitaram, inicialmente, trabalhar na contingência, deixaram a empresa e aderiram ao movimento grevista, que tem 100% de adesão do turno e administrativo. Os dirigentes sindicais acreditam que não há um número suficiente de trabalhadores desse setor para atuar em casos de emergência e alguns não têm o treinamento adequado para operar as viaturas.

O depoimento de alguns técnicos de operação, que passaram o serviço para a equipe de contingência da empresa, é outro ponto que preocupa a direção do Sindicato. Segundo eles, o posto foi entregue a gestores e engenheiros que não têm o treinamento e a capacitação adequados para operar a área com segurança. “É uma situação grave e que coloca em risco a segurança de todos os trabalhadores, inclusive a dos terceirizados, que estão diariamente na refinaria”, afirmou o coordenador da Regional Mauá do Unificado, Juliano Deptula.

Fonte: Sindipetro Unificado de São Paulo

Mídia

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram