Nova proposta da Petrobrás será avaliada em Conselho Deliberativo da FUP

Terça, 29 Novembro 2016 19:43

Em reunião nesta terça-feira, 29, a Petrobrás apresentou uma nova proposta para o Termo Aditivo do Acordo Coletivo de Trabalho 2015/2017, que será analisada pelo Conselho Deliberativo da FUP, na quinta-feira, 01/12, a partir da 14h, no Rio de Janeiro.

A empresa mantém o reajuste em 6% no salário básico e na RMNR, retroativo a setembro de 2016, acrescido de 2,8% em fevereiro, sem retroatividade.  A novidade é a antecipação do pagamento da primeira parcela do 13º salário para 10 de janeiro de 2017. A companhia reajustará pelo IPCA (8,97%) o Adicional do Estado do Amazonas e a Gratificação de Campos Terrestres de Produção, retroativos a setembro de 2016.

Em relação às Horas Extras, a Petrobrás retirou sua proposta de reduzir a remuneração e propôs a constituição de um grupo de trabalho específico para debater a realização de horas extras na companhia. A empresa, no entanto, mantém a proposta original de redução de jornada com redução de salário.

ATS da Fafen-PR

A Petrobrás, mais uma vez, se compromete a “envidar esforços necessários junto à diretoria da Araucária Nitrogenados” para que aprove em assembleia geral extraordinária a implantação do anuênio para os trabalhadores, com retroativos a partir de setembro de 2016, contando o tempo a partir da data em que a fábrica foi adquirida pela Petrobrás, em 01 de junho de 2013. Ainda assim, a companhia condiciona a proposta à retirada da ação que o Sindiquímica tem na justiça cobrando o cumprimento do acordo do ATS.

A FUP só se posicionará sobre a proposta apresentada, após debate-la com os sindicatos durante o Conselho Deliberativo, que também definirá os próximos encaminhamentos em relação à campanha salarial.

FUP

 

Última modificação em Segunda, 16 Janeiro 2017 18:34

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram