Reconstrução da unidade nacional marca abertura do XV CONFUP

Quinta, 04 Agosto 2011 20:15

Com a presença de cerca de 400 trabalhadores, entre delegados, observadores e assessores, o XV Confup segue até domingo, em Manaus, reafirmando a importância da reconstrução da unidade nacional dos petroleiros. Na cerimônia de abertura, realizada quarta-feira, 03, os delegados e convidados ressaltaram o protagonismo da FUP nas lutas em defesa da soberania e nas disputas capital x trabalho. O coordenador do Sindipetro-AM, Acácio Viana, saudou os congressistas, ressaltando a importância da realização de um congresso nacional de trabalhadores na região Norte do país, fato inédito e que, particularmente para os petroleiros, tem uma relevância maior, já que o sindicato completa em outubro 50 anos de existência.

O presidente nacional da Ubes, Yan Ivanovich, lembrou que a participação dos estudantes na defesa do petróleo brasileiro é histórica, desde a campanha “O petróleo é nosso”, e destacou que a aliança com a FUP tem sido fundamental na luta dos movimentos sociais para que as riquezas geradas pelo pré-sal sejam utilizadas em prol do povo brasileiro. O coordenador da FUP, João Antônio de Moraes, ressaltou a importância da reconstrução da unidade nacional, saudando o retorno do Sindipetro-RS, a fundação do Sindipetro Maranhão e a decisão dos petroleiros do RJ de refiliação do sindicato à Federação. “A unidade se constrói pela base. As conquistas da classe trabalhadora, bem como as transformações políticas e sociais, só ocorrem com organização e luta”, destacou.

A mesa de abertura do XV Confup contou também com a participação do presidente da CUT-AM, Waldemir Santana; do diretor da FUP e membro da Executiva Nacional da CTB, Divanilton Pereira; do diretor da CNQ, Cairo Correa; do presidente regional da Federação Internacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Minas, Química e Energia (ICEM), Sérgio Novaes; do coordenador do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) em Rondônia, Francisco Océlio Muniz; da supervisora do Dieese/AM, Alessandra Cadamuros; o representante do Instituto Paulo Freire, Alexandre Munck; o senador e presidente do PT/AM, João Pedro; o presidente do PCdoB/AM, Edilon Queiroz; e o diretor de Administração da Petros, Newton Carneiro.
Última modificação em Segunda, 23 Julho 2012 18:09

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) foi criada em 1994, fruto da evolução histórica do movimento sindical petroleiro no Brasil, desde a criação da Petrobrás, em 1953. É uma entidade autônoma, independente do Estado, dos patrões e dos partidos políticos e com forte inserção em suas bases.

Instagram